Vacão

VACÃO (gíria académica) – habitante dos arredores de Coimbra
«Em certa noite entreva elle pela Rua do Coruche e ouviu grande algazarra no Largo de Sansão; ahi chegado, viu que se tratava de rôlo entre estudantes e os vacões que vieram á festa da Rainha Santa; o José Doria, Novaes e outros procuravam acalmar os serranos assanhados contra os estudantes, (…) no meio da couza, um serrano atirou uma bordoada a um estudante. Ah! Vocês querem, canalhas? Vamos a isso… e arrancando um cacete da mão de um vacão, deixou cahir a capa e deu sobre eles com tal valentia, em um sarilho cerrado, que á excepção dos que cahiram, tudo o mais fugiu, e ahi a rapaziada, já armada de pedras, tanto cobria a retaguarda ao Bica como lapidava os que ainda resistiam.»
Antão de Vasconcelos (19??) Memórias do Mata-Carochas
Porto: Emp. Litteraria e Typographica – pág. 380/381

Enviado por Dr. João Baeta

 

Resultado de imagem para postais antigos de coimbra campones no seu muar