Bincadeira...

 

" ...
- Oh sr. dr. juiz desbarbador… Quem diria!... 
- …
- Então o sr. dr. juíz desbarbeador anda a furtar-me sugus à unidade? Pensando que ninguém está atendo à videovigilância e às escutas, e ao preço unitário dos gulosos e pretendidos sugus dourados?
- …
- Ó sr. juiz dr. conselheiro e amigo do seu amigo que o amiga, veja se me atina, porque senão ainda o meu ministério púdico fica mal afamado! Já me basta o correio da tarde violar impune e sucessivamente os segredos de injustiça, agora só me faltava o sr. juiz dr. desembarcador andar-me a roubar os sugus às mijinhas!
- …
- OhÓ sr. matreiro descarador dr. juiz desembaraçador! Veja lá se me furta uma catrefada de unidades de pacotes de sugus, para ir aprisionado de forma efectiva seja lá para aonde for, para ver se o meu estabelecimento tem protagonismo derivado da publicidade que de aí advirá, em consequência da sua gula doentia, sem eu ter de pagar alvíssaras aos mafiosos do morro do candeeiro da vela led que me apoquentam… Vá lá rubi juiz dr. sr. idóneo representante da justiça justa, a ver se eu persuado a minha querida clientela a auxiliar-me a atenuar esta crise que não foi o meu pó de arroz quem criou! Prometo-lhe docência na universidade da primavera, lá por alturas do verão, na ribeira brava onde desagua o saneamento pouco básico da zona de lá, combinado?
- …
- E veja se deixa de me responder com reticências que de reticências anda a autoridade tributária saciada, sr. desembargarador juiz dr., amante de coisas boas que provocam amnésia e outras coisas que, decerto, não haverá o excelentíssimo meu caro amigo juiz, e dr., de se relembrar…
- … "

Luís Gil Torga