PJ, FAP E FUZILEIROS CONTRA O CRIME

 

Veleiro-Correio-da-Manha.jpg

 

A Polícia Judiciária, com fuzileiros da Marinha e o apoio da Força Aérea, tomou de assalto um veleiro no último fim-de-semana, já em águas internacionais, libertando um homem que fora sequestrado no Porto mas conseguira dar um alerta por telemóvel a um amigo antes de ser levado para alto mar. O objetivo da operação seria conseguir manter a droga dentro do veleiro do homem sequestrado, ameaçando-o assim como a sua família. Sequestrador e vítima são franceses – e a informação chegou das autoridades daquele país, à PJ, na quinta-feira. Depois de vigilância discreta pelo ar de um avião P3 Orion da Força Aérea, inspetores da PJ com as forças especiais da Marinha, que seguiam numa corveta, resgataram a vítima a bordo do veleiro, já no domingo. O sequestrador foi capturado e já está em prisão preventiva, tendo a Unidade de Contraterrorismo da PJ também apreendido cerca de 350 mil euros a bordo do veleiro com bandeira francesa. Em causa estarão ajustes de contas de um grupo mafioso com ligações ao tráfico de droga, numa investigação que corre termos em França.

Foto - Net/Correio da Manhã

António Barreiros