Gostar de animais

Gatos2.png

Quando se gosta de animais, com o decorrer do tempo vamos aprendendo a lidar com estes pequenos seres.

Na minha infância, graças a um pequeno "incidente" com um gato de raça Persa, que confundi com um boneco...e levou a uma resposta à altura por parte deste, o que de alguma forma fez com que não apreciasse a presença destes.

Confesso, sempre gostei de cães, mas a minha Mãe nunca me autorizou a ter um que fosse...

Hoje tenho estes dois "laranjinhas" e mais dois que a seu tempo apresentarei.

O seu denominador comum é o facto de terem sido todos - sim todos - resgatados da morte certa e cruel.

Aqui vos apresento do lado esquerdo o mais recente elemento que se chama Theo, com apenas um ano de idade e ao seu lado o que considero um veterano, o Kiko, com onze anos de idade.

A diferença de idades é notável mas os seus portes aproximam-se dia a dia, sendo estes dois muito amigos e solidários - sentimento cada vez mais raro nos seres ditos humanos..

Hoje, com a idade que tenho, aprendi a gostar de gatos e sei que eles gostam de mim.

Para que não se tratem mal os animais.

Aqui fica o meu testemunho!

José Vaz de Almeida

Em Esmeralda Maria Botto Antas