Últimos artigos

4 O FUTURO DA ARTE 2

O FUTURO DA ARTE

 Se o futuro é incerto, as mudanças no mundo são muito claras quando nos lembramos das mudanças climáticas, das mudanças demográficas e das alterações na geopolítica provocadas pela mudança dos poderes das antigas potencias mundiais.Vale a pena, entã...

RANCHO2

RANCHO DE COIMBRA, MEMÓRIAS QUE FALAM!

 Esta é a expressão que neste momento encontrei, ao querer testemunhar, enquanto associado, o grande apreço que sinto por esta colectividade, cujo desempenho merece ser enaltecido. É por isso que, ao evocá-la, a primeira coisa que me vem á mente reca...

NAUFRAGIO2

Os naufrágios no Palheirão

 Há dias, evoquei aqui o movimento marítimo que, na década de sessenta, se fazia sentir por este nosso mar. Hoje, trago a narrativa que me chegou de dois naufrágios que aconteceram nas águas do Palheirão, na década anterior, e cujos barcos, espanhóis...

Mais artigos desta secção

E O MAR PARECIA UMA CIDADE

 - Às vezes, à noite, o mar parecia uma cidade, tantas eram as luzes dos barcos que os nossos olhos avistavam. Os guardas limitavam-se a registar o di...

MEMÓRIA DA RUA DAS PADEIRAS

A estória da panela de pressãoÉ grande o afecto que me liga à Baixa de Coimbra e muito concretamente à rua das Padeiras, aonde vivi enquanto estudante...

Pequenos nadas

 Aqui pela Gândara, as galinhas sempre prantaram os ovos. Excepcionalmente dizia-se que os punham, quando destinados a dar de presente. Porém, esta te...

MALVADO O DENTE QUE COME A SEMENTE

 Aqui pela Gândara, chamamos carreira ao espaço onde, nas feiras e mercados, as pessoas ligadas a uma agricultura de subsistência, vão vender, lado a ...