Últimos artigos

Dolce Carina

Dentre centenas de mastros

que vão dos portos nevoentos quantos não serão tragados pelas vagas,pelos ventos?   Dentre os pássaros que migram e atravessam tantas plagas quantos não serão tolhidos pelos ventos,pelas vagas?   Podes desprezar a sorte, largar ideias que tragas, m...

Olayo52

Vamos reflectir....

Desde que chegaste ao mundo do ser,uma escada foi posta diante de ti, para que escapasses.Primeiro, foste mineral;depois, te tornaste planta,e mais tarde, animal.Como pode isto ser segredo para ti?Finalmente, foste feito homem,com conhecimento, razão...

Arthur Rimbaud

O Barco Bêbado

Quando eu atravessava os Rios impassíveis,Senti-me libertar dos meus rebocadores.Cruéis peles-vermelhas com uivos terríveisOs espetaram nus em postes multicores. Eu era indiferente à carga que trazia,Gente, trigo flamengo ou algodão inglês.Morta a...

Mais artigos desta secção

A mística donzela

Prostrada, a soluçar, não vejo quem desejo,e abraço tristemente as pedras contra o peito.Do esposo privada, aqui, no duro leito,não o posso abraçar, c...

Madrigal Melancólico

  O que eu adoro em ti Não é a tua beleza A beleza é em nós que existe A beleza é um conceito E a beleza é triste Não é triste em si Mas pelo que há...

Poema Temperamental

Ó caralho! Ó caralho!Quem abateu estas aves?Quem é que sabe? quem éque inventou a pasmaceira?Que puta de bebedeiraé esta que em nós se vemjá desde o v...

Poema 20

Posso escrever os versos mais tristes esta noite.Escrever, por exemplo: "A noite está estrelada,e tiritam, azuis, os astros lá ao longe".O vento da no...